*Crianças russas aprendem a guerrear nas férias* Na Rússia, as crianças estão trocando o conforto da cidade por fuzis AK-47 e peças de camuflagem em acampamentos militares. Nem mesmo o gosto infantil escapa das novas tendências patrióticas e nacionalistas. Um dos garotos da unidade é Nikita, de 15 anos, proveniente de Moscou. Seus pais não estão no Exército, mas ele diz que pensa em se tornar soldado. Nikita explica que o acampamento é sua maneira de descobrir se a carreira militar é uma opção para ele a longo prazo. "Você não se sente como um cidadão russo normal aqui. Você se sente como um soldado, talvez até em outro país e numa missão secreta. É totalmente diferente da vida cotidiana", confessa Nikita. Embora as crianças sejam enviadas ocasionalmente para aprender disciplina no acampamento, os organizadores dizem que, para muitos dos participantes, trata-se de uma "amostra da vida militar".
0 comments
0 comments