*Dieta low carb: saiba os principais benefícios* Você sabe o que é dieta low carb? Conhece os seus benefícios? Basicamente, ela consiste na redução da quantidade de carboidratos ingeridos diariamente e no aumento do consumo de proteínas e gorduras saudáveis. Alguns benefícios são a perda de peso, a sensação prolongada de saciedade e a redução dos níveis de insulina no sangue, visto que o consumo de açúcar diminui consideravelmente. No entanto, é importante ressaltar que toda dieta ou forma de reeducação alimentar deve ser seguida sob orientação médica para evitar complicações. Além disso, qualquer exagero ou radicalismo devem ser evitados — a redução de carboidratos não significa sua eliminação total. E então, quer saber um pouco mais sobre a dieta low carb? Continue acompanhando! *Alguns alimentos permitidos e não permitidos* Quando falamos de uma dieta low carb, precisamos entender que não há consenso sobre a quantidade de carboidratos presente nesse modelo alimentar. Tendo em vista que o carboidrato é um nutriente que fornece energia para cumprirmos nossas atividades diárias, sabemos que ele é importante para o nosso corpo e para o nosso cérebro. Sua total exclusão ou redução drástica pode causar malefícios em vez de benefícios, como tontura, falta de ânimo e perda de massa muscular. Geralmente, em uma dieta tradicional, cerca de 55% a 65% das calorias ingeridas vêm de carboidratos. Já na dieta low carb, apenas 20% ou 40% das calorias consumidas vêm desse nutriente. *Afinal, quais são as comidas low carb?* Confira algumas: - chás e café (sem açúcar); - carnes (o recomendado é evitar aquelas que contêm alta concentração de gorduras saturadas); - ovos; - leite; - batata-doce e inhame; - verduras e legumes; - castanhas, nozes e amêndoas; - frutas com baixo índice glicêmico; - iogurte natural; - ricota. *E quais alimentos devem ser evitados? * Veja alguns: - doces; - pães e massas em geral (inclusive os integrais); - produtos industrializados; - refrigerante; - arroz; - tapioca; - milho. *Principais benefícios* Como mencionado anteriormente, podemos sentir os benefícios dessa dieta se não aderirmos às práticas radicais. Se pensarmos na dieta low carb como um modelo de ingestão de alimentos saudáveis em vez do consumo constante de alimentos ultraprocessados, podemos achar um equilíbrio e obter benefícios. Confira alguns! *Saciedade* Esse modelo alimentar é baseado, entre outros, em: - gorduras saudáveis; - vegetais; - proteínas. Os adeptos da dieta low carb afirmam que não é necessário passar fome, já que o sucesso desse modelo de alimentação também está relacionado ao consumo à vontade dos alimentos permitidos, os quais ajudam a reduzir a vontade de comer por meio da sensação de saciedade. *Perda de peso* Como já mencionado, alguns entusiastas da dieta reforçam que ela auxilia a diminuição da fome, pois proporciona saciedade, um dos motivos para conseguirmos perder peso com mais facilidade. Além do mais, a redução considerável do consumo de açúcar, presente em grande quantidade em alimentos industrializados, também é uma grande aliada da balança. É importante, no entanto, não se iludir com a rápida perda de peso, principalmente nos primeiros dias: muitos acham que ela significa queima de gordura, mas pode apenas ser perda de água e massa muscular. Por isso manter o equilíbrio nas refeições é fundamental, assim como seguir um padrão de alimentação saudável, sem muitas oscilações entre uma dieta e outra. Lembre-se, sobretudo, de que as atividades físicas são essenciais para a saúde do organismo. *Melhora no organismo* Muitos afirmam que a alimentação low carb oferece os seguintes benefícios para o organismo: - redução dos níveis de insulina no sangue; - melhora nos valores do colesterol; - melhora nos valores de triglicerídeos; - manutenção do peso. Isso se deve, de forma geral, às novas escolhas alimentares, e não somente à redução de carboidrato. Eliminar alimentos processados ou ultraprocessados da dieta reduz o consumo de açúcares em excesso e gorduras não saudáveis, como a trans, o que favorece essa melhora em nossa saúde. Além disso, optar diariamente por proteínas magras (como peixes, aves e também legumes), gorduras saudáveis e carboidratos não processados (como frutas, legumes, vegetais e alguns produtos lácteos) também contribui com o nosso bem-estar físico e mental. Maristela Strufaldi, nutricionista da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), afirma que alguns pacientes encontram benefícios com esse tipo de alimentação, pois conseguem controlar melhor a doença. Por outro lado, ela reforça que o equilíbrio nutricional — com espaço para os carboidratos — deve ser priorizado. Enfim, vimos aqui alguns benefícios da dieta low carb. Se você pretende aderir à dieta, lembre-se de procurar orientação profissional, ok? Agora, se você pretende gerar uma renda extra com práticas culinárias, apostar em comidas low carb pode ser um bom investimento! E então, gostou de conhecer a dieta low carb? Se você ficou com alguma dúvida ou tem alguma sugestão para compartilhar com a gente, deixe um comentário aqui embaixo! *Continue conosco! * Acesse e leia também o nosso texto sobre receitas saudáveis e baratas para você: https://hotm.art/receitas-fit-baratas
4 comments
4 comments