Enquanto você para e espera Eu ando, invado Eu abro a porta e entro Enquanto você cala quieta Eu brigo, eu falo Eu berro, eu enfrento No canto dessa sala emperra Eu ligo, acerto Eu erro e eu tento Enquanto você fala: "Espera" Aflito eu fico E digo: "Eu não entendo." Não sei porque você Insiste em demorar Eu quero que você Diga já
0 comments
0 comments