*Doenças comuns na infância: quais são e como preveni-las?* Qualquer sintoma fora do normal na infância faz com que os pais fiquem alertas. Esse cuidado ainda dobra quando falamos do primeiro filho. Nesse momento é preciso ficar calmo, porque nada é mais comum do que problemas de saúde nos pequenos. Principalmente porque quando se é criança, o organismo ainda não desenvolveu muitos anticorpos. Então ele será afetado pela primeira vez em diversas situações. É importante manter a saúde da criança em dia no que puder ser prevenido. Boa alimentação e cuidados higiênicos básicos fazem a diferença na hora de proteger seu filho. Se informar quais são as doenças comuns na infância também é o ideal. Assim você poderá tomar as atitudes certas para prevenir e proteger seu filho para que ele passe longe delas. *Conheça as principais doenças que costumam afetar nossos pequenos:* *Gripe e resfriado* Ambas doenças têm a forma de contágio muito fácil. Causados por vírus (distintos), para ser contaminado basta alguém doente tossir ou espirrar. A saliva é a principal forma de contaminar o outro. Crianças costumam estar sempre rodeadas de outras crianças nas escolinhas. Então quando uma está, outras facilmente se contaminam também. O que facilita ainda mais é estar em lugares fechados, como as salas de aula. O vírus fica circulando pelo ar e ataca quem estiver ali com a imunidade um pouco mais baixa. O resfriado é mais tranquilo e tem como característica a coriza e irritação das mucosas. Na gripe os sintomas são mais severos, como febre, dor muscular e cansaço. Elas podem ser tratadas com medicamentos e alta hidratação (ingestão de água, chás e sucos). Para se prevenir de quadros gripais frequentes é importante a vacinação das crianças a partir dos 6 meses. Também é indicado que em épocas de surtos na escola, evitar levar a criança para a aula. Em temperaturas mais baixas (que facilitam a propagação do vírus), é importante evitar locais com aglomeração de pessoas. *Catapora* Pele empipocada de bolhas vermelhas e muita coceira - essa é a famosa catapora. Apesar de também atingir os adultos, é na infância que ela costumeiramente surge. Causada pelo vírus da herpes, tem como os sintomas: febre, pequenas manchas e bolhas vermelhas na pele e coceira. Não existe um remédio específico para a doença. O tratamento é feito com medicamentos que aliviam os sintomas e alta hidratação. Como o contágio é feito pelo contato com outra criança com o vírus, a forma de prevenir é manter a distância. Enquanto as feridas não cicatrizarem, a criança contaminada pode passar para o seu filho. Se houver casos na escola, evite mandá-lo para a aula. A boa notícia é que a doença é autoimune. Isso significa que depois de pegar uma vez, o vírus permanece dentro do organismo e não é possível pegar novamente. Mas a melhor forma de prevenção é a vacinação. A vacina tetra viral combate a catapora e deve ser tomada em duas doses. Para crianças a partir de 12 meses, deve tomar a primeira dose aos 12 meses e o reforço entre 15 e 24 meses. Para crianças a partir de 2 anos até 12 anos, deve tomar a primeira dose e esperar o intervalo de 3 meses para o reforço. *Caxumba* Uma doença bem comum na infância, a caxumba tem sua transmissão pela respiração. Dentre seus sintomas estão dor e inchaço na região abaixo da mandíbula inferior, devido a inflamação das glândulas salivares parótidas. Isso faz com que a criança tenha dificuldade em engolir (desde alimentos até a própria saliva), mal estar geral, náuseas, dor de cabeça e rigidez na nuca. Como a respiração é uma forma de contágio muito fácil, recomenda-se as mesmas coisas que da gripe e catapora. É importante manter a distância de pessoas com suspeita da doença. Para a prevenção, a vacina é a melhor opção sempre. A caxumba também é protegida pela vacinação tetra viral. *Como prevenir seus filhos?* Todas as doenças comuns na infância citadas podem ser evitadas com a vacinação correta. Por isso é importante estar atento ao calendário de vacinas para não perder nenhuma. Além da catapora e caxumba, a vacina tetra viral ainda protege do sarampo e rubéola (outras doenças que costumam contagiar as crianças). Além disso, vale algumas dicas para manter a imunidade forte para combater as doenças: - Se for possível escolher, prefira o parto normal. As bactérias do canal vaginal ajudam a fortalecer o sistema imunológico do bebê. - Amamente exclusivamente seu bebê até os 6 meses. O leite materno oferece anticorpos para a criança. - Mantenha uma alimentação saudável conforme o crescimento. Sempre com frutas, vegetais, hortaliças, carnes magras etc. - Lave as mãos da criança com frequência. - Deixe a casa sempre limpa e arejada. *Temos mais conteúdos para você!* Já tratamos aqui na nossa comunidade sobre como preparar uma alimentação saudável para o seu filho. Acesse: https://sparkleapp.com.br/s/109307/alimentacao-saudavel-para-cri
3 comments
3 comments