Em resumo, não. Não abriram a caixa-preta ainda. O que foi divulgado foram dados que já eram largamente públicos e alguns poucos contratos. É preciso uma auditoria muito mais profunda nos contratos, nos critérios que eram exigidos para empréstimos, nos estudos feitos e sobre quem tomou as decisões. Mas no fim das contas, é preciso acabar com o BNDES. Dado que todo o dinheiro que ele tem é obtido coercitivamente, e que ele não responde a incentivos de lucro e sim incentivos políticos, podemos facilmente concluir que qualquer ação que o BNDES tome é, necessariamente, destrutiva para a economia. Isso além do imposto inflácionário que ele gera, e do aumento de juros que ele causa por sugar capital de outras áreas. Fecha mesmo e acabou. Sugestões de leitura: https://www.mises.org.br/Article.aspx?id=2407 Sobre reservas fracionadas e o sistema bancário: https://amzn.to/2S811p2 Por que as ações do BNDES são necessariamente economicamente destrutivas: https://amzn.to/2LdiD0s Quer se tornar um doador? https://www.padrim.com.br/ideiasradicais Acompanhe a gente: Sparkle: https://s7pa5.app.goo.gl/cEUFKnurttcV1Z993 Instagram: raphaelideiasradicais e ideiasradicaisreal E o site: https://ideiasradicais.com.br Apoiadores! Instituto Mises Brasil Strobel e Santos - Emigração para Portugal
0 comments
0 comments