Dois problemas fundamentais envenenam todo o movimento Bolsonaro. Claro, existem outros, mas esses dois sozinhos já dariam conta de por vários buracos no barco. Primeiro: é um movimento anti. É um movimento contra algo, que quer acabar com algo. O PT, o comunismo, Paulo Freire, Ursal, o que for. É para acabar. Explodir. Remover. Apagar. E atrai quem pensa assim. O que acontece quando um movimento cheio de gente assim tenta construir algo? Mais destruição. E é um movimento coletivista, que pensa em coletivismos. O Brasil. A educação. A moralidade. A nação. O problema do coletivismo é que ninguém realmente concorda em o que é o coletivo, e quando há um conflito dentro de um movimento coletivista, um lado tem que aceitar ou ser agredido até aceitar. Combine os dois. O que acontece quando um movimento de destruição tem discórdias internas? Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na exchange mais segura do Brasil: https://coinext.com.br/cadastro.html?campanha=ideiasradicais Quer se tornar um doador? https://www.padrim.com.br/ideiasradicais Quer camisetas libertárias? https://loja.ideiasradicais.com.br/ Acompanhe a gente: Sparkle: https://s7pa5.app.goo.gl/cEUFKnurttcV1Z993 Apoiadores! Instituto Mises Brasil Strobel e Santos - Emigração para Portugal
0 comments
0 comments