Toda vez que surge uma polêmica envolvendo preconceito entre um evangélico e um LGBT, surge também alguém pra lembrar que “o problema não é Jesus Cristo, mas o fandom”. O pastor Luís Gustavo é um exemplo perfeito disso. Apesar de toda a homofobia velada que a maior parte das religiões evangélicas e batistas reproduz, o pastor Luís escolheu levar mais a sério os ensinamentos sobre amor ao próximo presentes na bíblia. Thiago Peniche é um homem transexual que encontrou na Igreja da Comunidade Metropolitana, no Rio de Janeiro, espaço e acolhimento para ministrar o seu curso Es(trans)geiros. O estudante de jornalismo oferece aulas gratuitas de inglês para a comunidade trans da cidade, em turmas de até 15 alunos. A própria igreja do pastor Luís Gustavo já possui perfil e histórico de acolher o público LGBT, que são pessoas que, geralmente, vivem à margem de espaços religiosos. Thiago e Luís estão juntos na missão de abrir portas para aqueles que não tiveram tantas oportunidades para concluírem seus estudos e que gostariam de aprimorar o seu currículo!
2 comments
2 comments