Vivemos em uma época em que qualidade já não se discute mais (é fator chave para qualquer produto ou negócio). Produtos e negócios estão cada vez mais parecidos, tanto na forma, quanto nas funcionalidades, apresentação e etc... Essa igualdade de fatores exige do empresário a busca por diferenciais para o seu negócio, dessa forma pode obter alguma vantagem competitiva, para manter ou melhorar os resultados da sua empresa. No vídeo de hoje falarei sobre algumas estratégias de diferenciação para o seu negócio. Ter uma vantagem competitiva significa que sua empresa possui uma ou mais características que os concorrentes ou não podem ou não querem se equiparar. Vantagem competitiva é como um trampolim, que deve ser usando sempre para que se possa saltar para uma nova vantagem, pois o mercado pode zerar essa sua vantagem a qualquer momento. O mais importante na criação de vantagens competitivas ou diferenciação é que esses atributos devem fazer sentido, ter significado, ser percebido como vantagem para o seu cliente. Por exemplo: Se o seu produto funciona mais rápido do que o do concorrente e isso não faz nenhum sentido para o seu cliente, então não é vantagem, se ele não valoriza isso. Quanto mais focado na criação de vantagens para o consumidor, melhor serão os resultados. Pois quando se entrega algo com um alto valor percebido (e valor não é preço de venda, e sim quando se compara o custo financeiro com os benefícios da compra). Gera-se a satisfação do cliente e as chances de repetição de compra e melhora da rentabilidade da empresa aumentam. Existem algumas formas de diferenciação que geram valor e não estão exclusivamente ligadas a produtos e serviços. Veja que outros fatores podem gerar diferenciação, tais como: Ter uma equipe de funcionários bem treinados, que conheçam muito bem dos produtos e serviços, que estejam alinhados com os princípios e valores da empresa, tendo uma boa relação pessoal com os clientes (pois pessoas compram de pessoas), pode além de personalizar sua empresa, trazer um diferencial para o seu negócio. Outra forma de se diferenciar é melhorando os seus canais de venda, ou seja, as maneiras que o seu cliente tem para chegar até você, ou que você pode chegar até seus clientes. Você tem que trabalhar para tornar o processo de compra o simples possível, o cliente deve ter a facilidade em te encontrar, comprar, receber e se relacionar. Hoje você pode ter canais como lojas físicas, internet, instagram, facebook, por afiliados, parceiros, representantes, vendas diretas e por ai vai... Diferencie-se pelo canal de isso faz sentido para o seu cliente. A imagem da empresa também pode ser uma forma de diferenciação. Como você cuida da comunicação visual? Da sua identidade visual? Da sua marca, do seu site, das suas publicações, do seu cardápio, dos uniformes, veículos, do layout da empresa. Muito da percepção de valor vem de fatores psicológicos, dos cinco sentidos e através da comunicação visual e do bom trato da marca e do ambiente da empresa você ter um bom diferencial. Qual a percepção de valor que você tem de um lugar bem limpo, iluminado, organizado, cheiroso, agradável? Você pode também buscar diferenciação por meio da prestação de serviços acessórios a venda, como por exemplo, facilitando a troca dos produtos, tendo uma entrega rápida, livre de avarias, melhorando os meios de pagamento, dando garantias, ampliando ao cliente e a segurança na compra. E claro, a meu ver, o maior exemplo de diferenciação está ligado a experiência. Criar para o cliente uma experiência única de compra, que vai desde o momento que o cliente conhece a sua empresa, chega até ela, realiza o processo de escolha, compra, recebe e tem o pós venda. Como você se sentiria comprando da sua empresa? Nesse mundo de produtos e serviços tão parecidos, você tem que encontrar algo para ser diferente, e ser diferente não é ser só diferente, essa diferença, tem que fazer sentido para o seu cliente, para que isso gere valor e esse valor gere caixa. Pense ai.... Robson Pezzini
0 comments
0 comments