As raivas não devem sumir, mas podem diminuir. A implementação do wi-fi 6 que está começando no Brasil promete um pouco mais de velocidade, mais principalmente maior cobertura e suporte estável para vários dispositivos ao mesmo tempo. Muitas empresas tem visto nisso um grande impulso pra internet das coisas, já que a nova tecnologia também permite que a conexão de aparelhos como geladeiras e termostatos gaste menos energia. No entanto a internet das coisas parece aquele eterno futuro, que está sempre na próxima esquina. É igual ao VR, que com cada atualização provoca um frenesi de que a tecnologia vai passar a ser onipresente, mas ainda se mantém muito restrita a um nicho de tecnófilos. Posso queimar a língua, mas acho que a presença cotidiana da internet das coisas não vai vir subitamente com o wi-fi 6.
1 comment
1 comment