O acompanhamento da evolução, do que se convencionou em 1930 por Simon Kuznets, do Produto Interno Bruto PIB de uma economia, agregado macroeconômico, é de suma importância para a mensuração, ao longo do tempo, da atividade econômica. Em termos da metodologia de cálculo, há algumas distinções entre os países, por exemplo, esse indicador na Europa considera a atividade ilícita. Por outro lado, a metodologia de cálculo brasileira não busca mensurar as atividades ilegais, sendo que especialistas defendem o levantamento dessa informação à parte, para subsidiar a tomada de decisões no que diz respeito às políticas de controle e combate. Em linhas gerais, a mensuração desse produto, em um determinado período pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE, acontece a partir da identidade macroeconômica, que estabelece uma igualdade entre as óticas da renda, do produto e da despesa, considerando os bens e serviços finais. Trata-se de uma estimativa do nível de produção em termos financeiros, que podem ser nominais e reais, descontando-se a inflação do período).
0 comments
0 comments