O mercado financeiro é extremamente sensível às informações, uma vez que os agentes econômicos especulativos seguem em busca das oportunidades de ganhos, na compra ou na venda de um ativo financeiro. O atual estágio da globalização, conforma uma mercado financeiro no capitalismo financeirizado (CHESNAIS, 1997) e de elevada integração entre as praças financeiras, o que corrobora para o fluxo de capital mais eficiente. Pesquisas com especialistas em investimentos sinalizam esse comportamento, no que diz respeito aos fluxos na Bolsa de Valores brasileira (B3), ao avaliarem a gestão do governo Bolsonaro, a pauta da Reforma da Previdência e o Congresso Nacional. São notórios os impactos da conjuntura econômica, sejam nos níveis local, nacional ou global. Nesse sentido, os índices oscilam e objetivam, a busca pelo lucro, em aversão aos riscos, decorrente das variadas negociações no mundo financeiro. Todo esse fluxo sustenta-se pela moeda, o que diretamente determina a taxa cambial da moeda estrangeira e garante as transações estrangeiras, dos bens e serviços, entre os residentes e os não residentes.
0 comments
0 comments