Jennifer Haynes, de 49 anos, foi abusada por seu pai dos 4 aos 14 anos e pode ter desenvolvido uma doença conhecida como Desordem de Identidade Dissociativa em decorrência. Como forma de se proteger, ela desenvolveu cerca de 2,5 mil personalidades diferentes. E apresentou ao vivo, durante o programa 60 Minutes, como se estivesse fazendo uma terapia em público, algumas destas personalidades, enquanto visitava locais em que foi abusada.
0 comments
0 comments