Quando eu descobri a existência do Guinness World Records, na minha adolescência, eu ficava caçando coisas bizarras, tipo a mulher com a maior unha do mundo ou o homem que comeu um avião inteiro, peça por peça. Eu não me lembro dessa parte de “recordes do bem” do livro, fiquei até com vontade de entrar na primeira livraria pra folhear esse livro de novo, com outros olhos. Na semana passada, no Pier de Pesca Internacional de Deerfield Beach, na Flórida, 633 mergulhadores vestiram suas roupas de mergulho para pegar material de pesca e resíduos de plástico do fundo do oceano. A limpeza resultou em pelo menos 626 quilos de lixo e 60 quilos de linhas de pesca retiradas do oceano. Com isso, o grupo estabeleceu um novo recorde mundial do Guinness com a maior limpeza subaquática da história. O recorde mundial anterior foi estabelecido no Egito em 2015, com 614 mergulhadores. O juiz do Guinness, Michael Empric, disse que “Não importa o que aconteça hoje com o Guinness World Records, o que realmente importa é que todo mundo está lá fora, limpando o píer e tentando melhorar a comunidade.” Concordam?
0 comments
0 comments