Vivemos um tempo em que os males do uso excessivo da internet são debatidos e já conhecidos. Nesse contexto, um grupo de estudantes de diferentes universidades da Austrália, Estados Unidos e Reino Unido está se juntando para entender como que uso da internet afeta o nosso cérebro. Em específico, em áreas como de cognição, atenção, memória e interações sociais. São estudantes das universidades: Western Sydney University, Harvard University, Kings College, Oxford University e University of Manchester e já teve seu primeiro trabalho publicado no World Psychiatry. Dr. Joseph Firth, líder do projeto, afirma: _“A descoberta principal deste trabalho é que altos níveis utilização de internet pode realmente afetar em várias funções do cérebro. _ _Por exemplo, a sequência ilimitada de notificações e acessos da internet nos encoraja a manter uma constante atenção dividida — o que depois pode diminuir a nossa capacidade de manter a concentração em apenas uma tarefa.”_ Não dá pra discordar dele.
6 comments
6 comments