O Brasil é uma República Presidencialista, como estabelecido em constituição. Se quiserem mudar isso, é necessário alterar o texto constitucional. Normas tendentes a sobrepor o poder do legislativo sobre o Executivo devem, necessariamente, ser compreendidas como inconstitucional. Embora eu particularmente faça muitas defesas do modelo parlamentarista, este não foi adotado no Brasil, portanto, devemos respeitar o escolhido, ainda em votação em 1993. O Senado (e o legislativo como um todo) no presidencialismo deve servir como um contrapeso ao executivo, mas jamais tomando para si competências originárias de outra função do poder.
0 comments
0 comments