O grau de complexidade envolvendo as economias dos Estados Unidos e da China, só aumentam o nível de tensão entre ambas, e entre a ordem comercial internacional, haja vista que entra em cena nesse momento a possibilidade dos EUA boicotarem um Tribunal de suma importância na Organização Mundial do Comércio OMC, diante da possibilidade de – o bloqueio norte-americano para nomear substitutos atingirá seu objetivo, deixando inoperante o tribunal responsável por resolver os conflitos comerciais de 164 países. Nesse sentido, somos levados a compreender o real interesse de Donald Trump nessa situação, pois seria uma ação que levaria à desregulamentação do comércio internacional, e nesse contexto, impera a lei do mais forte, que coincidentemente atende ao interesse americano. Tal fato coloca o mundo (e o comércio mundial) à mercê dos embates entre as gigantes do mercado internacional e afeta fortemente os países em desenvolvimento, dado o pouco, ou quase nenhum, poder de negociação nesse cenário, caso fique desregulamentado.
0 comments
0 comments