O suicídio é um grande problema entre os jovens. Um estudo divulgado em junho pelo "Journal of the American Medical Association", dá conta de que houve um aumento nas taxas de suicídio entre jovens de 15 a 24 anos nos EUA. A norte-americana Amy Wolff, além de mãe de duas adolescentes, foi marcada pela morte do seu irmão, quando ela tinha 14 anos. O rapaz morreu afogado, aos 18 anos, e foi muito difícil para Amy lidar com a ausência dele. Desde então, a americana tem se sensibilizado com causas diversas e procura sempre ajudar o próximo. Ela confeccionou 20 placas com dizeres como "Não desista", "Você merece o amor" e "Teus erros não te definem" para colocar no seu jardim e motivar os jovens das redondezas a serem fortes para superar problemas como a depressão. A iniciativa deu tão certo que as pessoas começaram a procurá-la para colocar as placas em suas casas. A iniciativa de Wolff se transformou em uma organização sem fins lucrativos que, hoje, distribui sua mensagem impressa em mais de 26 países e em 6 línguas diferentes.
0 comments
0 comments