A desonestidade ou a burrice de Bolsonaro? O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) divulgou uma nova pesquisa sobre as condições alarmantes do desmatamento no Brasil e a política ambiental do país. "De acordo com números divulgados pelo Inpe no início deste mês, o desmatamento na Amazônia Legal brasileira atingiu 920,4 km² em junho, um aumento de 88% em comparação com o mesmo mês no ano passado." Os dados foram recebidos de forma absurda pelo Presidente Bolsonaro, que ao invés de analisar ou responder sobre a gravidade dos dados preferiu minimizar a pesquisa, descredibilizar os dados e atacar pessoalmente o presidente do Instituto, Ricardo Magnus. Em resposta o INPE continuou a validar os dados e deu duras indiretas no presidente, citando até a relação problemática entre ele, seus filhos e a política. Nenhum dado, ciência nem Instituto são válidos pro Bozo! Só o Twitter de seus filhos.
0 comments
0 comments