Não é novidade que a dupla que não sabe se a lenda dessa paixão faz sorrir ou faz chorar está em turnê. Sem ir nos shows, ficamos aqui no camarote do Instagram acompanhando os stories fervorosos. Tivemos takes de perto, de longe, dos choros - aaaaaaaaa, os choros! Eu chorei junto. Também ficamos sabendo da água sendo vendida a 10 reais em alguns dos locais do show. Poxa gente, como que fica hidratado depois de tantas lágrimas? O ponto é que nessa turnê de grandes emoções, a dupla resolveu surpreender os fãs mais uma vez. O que era para ser uma falha técnica e deixar todo mundo bolado - afinal ingresso caro, quero tudo perfeito kaka - virou uma deixa para um momento necessário do nosso príncipe Júnior. Que Maria Chiquinha foi no mato é um fato, o que ela foi fazer lá é que sempre foi a questão para os brasileiros. Eis que a música que começou a ser cantada à capella, foi finalizada por Juju trazendo a reflexão necessária “para com isso. Isso não é mais aceitável. Não são mais os anos 90. Não vou fazer nada com o resto. Deixa em paz a Maria Chiquinha. A Maria Chiquinha faz o que ela quiser no mato”. E vocês achando que a turnê não podia melhorar, né?
0 comments
0 comments