Foi constatada, pelo Departamento do Comércio dos Estados Unidos da América EUA, uma desaceleração da economia dos EUA, a 2,1 %, um ponto percentual a menos do que no primeiro trimestre, mas acima do 1,8% previsto pelos analistas, aponta uma primeira estimativa do governo publicada hoje. Esse dado, informa-nos acerca do nível de atividade econômica da economia americana, fato por ora acompanhado pelo mundo, já que estamos falando da maior potência econômica mundial. A divulgação desse relatório, possivelmente não impedirá que o Federal Reserve FED corte os juros na próxima semana, ao implementar uma política monetária expansionista, com a finalidade de alavancar mais o nível de produção e consumo domésticos, frente ao atual cenário de embate comercial entre as maiores economias do mundo (chamada de Guerra Comercial por alguns ou Guerra do 5G por outros). Trata-se de uma postura defensiva da potência, diante das implicações do desdobramento dessa questão sobre o comércio internacional (em volume e conformação geopolítica), que segundo previsões do Fundo Monetário Internacional FMI, tende ao encolhimento, afetando assim o desempenho econômico de todas as economias abertas do globo terrestre.
0 comments
0 comments