Sei que é difícil neste país de (muita) demagogia ser favorável ao imperialismo ianque e contrário ao discurso bolivariano e ufanista de boa parte da esquerda latino americana. Mas não irei me eximir: Estou com os Estados Unidos nessa. E talvez acredite que a medida tenha até demorado a ter acontecido. Isso porque a Venezuela há tempos já não pode mais ser considerada um país democrático e garantidor de Direitos fundamentais. A única coisa que me incomoda, por outro lado, é que, por coerência, os EUA, maior potencia economica e militar do mundo, deveriam fazer o mesmo com a Russia, Arábia Saudita etc. Geopolíticamente conseguimos pensar em uma possível explicação para isso. Só não prometo que ela cole.
0 comments
0 comments