O salário mínimo provavelmente sofrerá um reajuste de 4,2% para 2020. Essa é a vontade inicial do Congresso Nacional. Tal ponto me parece correto, visto que observa pelo menos a inflação corrente e busca não desvalorizar o suado salário, principalmente daqueles que mais precisam. Também foi votado o aumento do fundo para financiamento de campanhas (sobre o qual já tratei em publicação nesta rede social). O fundo, que hoje já bilionário, ficará ainda mais caro, podendo atingir o importe de R$ 3,7 BILHÕES! Eu, particularmente, considero um absurdo. Com tantas melhorias públicas pendentes, os políticos querem destinar verba para suas campanhas? Por que não fazem mais barato? Acho o cúmulo da falta de bom senso e de apego à República brasileira. Insta salientar que estamos vivenciando o crescimento do meio virtual no espaço das eleições, diminuindo custos e facilitando a divulgação de ideias. Só aumentam a verba para eles porque querem. Necessidade real não existe.
0 comments
0 comments