=Simone e Simaria Evangélicas não pronunciam nome de Iemanjá= Declaradamente evangélicas da Assembleia de Deus, Simone e Simaria deixaram de cantar um trecho da música “Quero Ser Feliz Também” que fala de Iemanjá, cultuada em religiões de matriz africana. A música é da banda Natiruts e foi cantada pelas sertanejas, Iza, Gloria Groove e Matheus e Kauan no programa Música Boa ao Vivo, do canal Multishow. Durante a apresentação, Simaria larga o microfone depois das palavras “flores brancas” e começou a fazer uma dancinha. Já Simone baixou o microfone no momento em que começou o trecho que cita Iemanjá. O jornalista do jornal O Dia afirmou que as duas estavam incomodadas com a música desde os ensaios, já que ambas repreende a figura de Iemanjá. A cena gerou revoltou as pessoas nas redes sociais. Há poucos dias um caso parecido aconteceu com o cantor Xanddy, do Harmonia do Samba, acusado de evitar trechos da música Raiz de Todo Bem por motivos religiosos. Então pra quê cantar essas músicas? Eis a pergunta. Deveriam ir cantar na Igreja. Simone, fugindo do assunto, disse que respeita todas as religiões e que o país é livre. “Meu amigo, se você quiser tocar o seu tamborzinho, toque o seu tamborzinho! Se quiser ajoelhar e ir para a igreja, vá para a igreja! Nós vivemos em um país livre e as pessoas têm que parar com isso. Se você é feliz na sua religião, está ótimo, está massa!”. Ou seja, não falou sobre o preconceito dela em citar o nome de Iemanjá. Na hora de cantar músicas sobre traição e bebedeira, as sertanejas nunca nem pestanejaram. E ainda foram alvo de críticas do ex-deputado federal, Jean Willys em suas redes sociais, que comentou: "Que “conservadorismo” é esse que tolera o visual pornô-pop de uma dupla, mas a rechaçaria apenas pelo fato de mencionar o nome de uma entidade da mitologia iorubá – disse o ex deputado."
1 comment
1 comment