=Como convencer a pessoa mais carnívora que você conhece a aderir ao #segundasemcarne= Ou como se convencer de tentar comer menos carne, pelo menos uma vez por semana. Se a gente quer que as pessoas próximas à gente ao menos considerem mudar a forma como se alimentam, é importante mudar a nossa estratégia de persuasão, certo? Muito já se sabe sobre os efeitos de uma dieta carnívora não só para os animais como para o nosso próprio corpo e também para o meio ambiente. Por anos, ambientalistas, nutricionistas e médicos vem falando sobre a importância de diminuir o consumo de carne no mundo. Ainda assim, o consumo de carne não para de crescer, principalmente em países como Austrália, Estados Unidos e, claro, o Brasil - o país do churrasco de fim de semana. Então como mudar a abordagem? 1 - Não fale sobre o assunto na hora do jantar, na mesa, enquanto as pessoas estão comendo carne. 2 - Não soe como se estivesse julgando todo mundo. Eles já sabem que não deveriam comer tanta carne - isso vai só deixá-los na defensiva. 3 - Ao invés de dizer “você deveria comer menos carne”, fale sobre suas escolhas. Não aponte dedos dizendo o que alguém deve ou não deve fazer, mas mostre a sua experiência. Lembre-se, você está tentando ter uma conversa. Que tal começar com “Depois de ler sobre as mudanças climáticas causadas pela pecuária, adotei a Segunda Sem Carne. Assim consegui fazer alguma diferença mesmo sem mudanças drásticas na alimentação. Não foi tão difícil, eu como muitas refeições deliciosas! Da próxima vez que fizer uma, posso guardar um pouco para você” 4 - Aborde questões que importam para eles, não para você. Seja política, moral, econômica ou pelo meio ambiente. Argumentos não faltam, é só usar os corretos. 5 - Fale como se as refeições vegetarianas fosse uma adição, uma alternativa extra na alimentação deles e não como substitutos da carne. Você não vai convencer ninguém a virar vegetariano com apenas uma conversa - então vamos aos poucos aqui também. 6 - Mostre como a tendência de não comer carne está crescendo. E que existem muitas opções de alimentos sem carne tão saborosos quanto e, inclusive, algumas versões que imitam o gosto e a textura da carne.
0 comments
0 comments