O mercado de trabalho segue em ritmo acelerado de mudanças, haja vista o efeito qualitativo e quantitativo agregado processos produtivos de bens e serviços, ganhos de eficiência, seja a partir de modernizações e/ ou inovações tecnológicas. Nesse mesmo sentido, observamos mudanças nos postos de trabalhos ofertados, que implicam em novas habilidades profissionais demandadas, tanto em termos de áreas do conhecimento quanto no seu aprofundamento. Em grande parte, as empresas de tecnologias tem sido as precursoras nos processos de inovação, nas áreas meio e fim. Por exemplo, empresas de tecnologia investem em home office para atrair talentos, tendo em vista o objetivo de tornar a jornada de trabalho mais flexível e estimular a autonomia dos colaboradores, ou seja, muitas empresas já entenderam que é necessário investir em gestão de pessoas e em práticas que permitam equilíbrio entre a vida profissional e a pessoal. O pioneirismo dessas empresas na implantação e implementação dessas e tantas outras políticas para o trabalhador, contribuem direta e indiretamente na configuração desse mercado.
0 comments
0 comments