Cientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) observaram o asteroide 6478 Gault mudar de cor, do vermelho para o azul. É a primeira vez que esse fenômeno é captado por pesquisadores, em tempo real. O asteróide em questão já era peculiar antes da mudança cromática por causa de uma trilha de poeira parecida a um cometa; e, agora, a alteração de cor foi detectada em um espectro próximo ao infravermelho, invisível ao olho humano. A descoberta foi publicada no Astrophysical Journal Letters, na sexta-feira 30/08.
0 comments
0 comments