Borderlands 3, o que mudou ? E como continua incrível. Borderlands é um jogo de tiro em primeira pessoa de ficção científica com elementos de RPG criado pela Gearbox Software para Microsoft Windows, PlayStation 3, Xbox 360 e Mac OS X. O jogo foi revelado na edição de setembro de 2007 da revista Game Informer como o primeiro de um jogo com a série já planejada. Foi lançado em 20 de outubro de 2009. Um relançamento aprimorado foi lançado posteriormente para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One em 3 de abril de 2019. No futuro bem bem distante do ano de 2864, várias naves de colonização se dirigem a um planeta nos limites da galáxia: Pandora. Os colonos são atraídos para lá em busca de uma vida melhor, além de vastos recursos minerais que se diz estarem no planeta, livres para serem capturados. Algum tempo depois de se estabelecer, os colonos descobriram que o planeta oferece pouco além das ruínas alienígenas decrépitas. Quando as empresas que mineram o planeta saem, soltam os criminosos que haviam empregado como trabalho forçado e deixaram outros colonos lá. Alguns dos colonos procuram enriquecer rapidamente, descobrindo a tecnologia alienígena, enquanto outros tentam sobreviver. É nesse ambiente que começa a nossa história, assim como continua no 3, como um dos caçadores que procuram enriquecer e sobreviver no ambiente louco que é Pandora. Os jogadores mais uma vez assumem o papel de um dos quatro caçadores de cofre únicos, cada um com habilidades envolventes que diferenciam seus estilos de jogo. Das disputas corpo a corpo da mais recente Siren aos ataques sustentados por mecha do Gunner, cada personagem oferece uma variedade de opções de criação, e a elaboração da sua árvore de skills para se tornar uma poderosa máquina de assassinato é especialmente atraente depois de várias e várias de horas de jogo e pontos de habilidade ganhos. O jogo manteve todo o humor ácido que é peculiar da série. Ele manteve vários elementos dos jogos passados, mas ao mesmo tempo com algumas novas surpresas. As armas são mais uma vez as verdadeiras estrelas do show, com uma variedade irreal de armas de fogo que apresentam tanta variedade de jogabilidade quanto singularidade visual. De rifles de assalto que lançam explosões de radiação a uma pistola que dispara foguetes, não há fim para a zoeira. O jogo conseguiu mais uma vez renovar, Borderlands 3 é uma carta de amor para seus fãs e uma celebração do estilo de jogo que ele popularizou pela primeira vez. Cheio de personagens de edições anteriores e sem desculpas por seu humor que também é bobo e ação bombástica, é um passeio divertido que parece hesitar em inovar.
0 comments
0 comments