O cúmulo da idiotice. É triste demais ser representado internacionalmente por uma figura como Ernesto Araújo, suas falas são desconexas e psicopatologicamente preocupantes. O Ministro tem uma fixação paranoica na esquerda, que é justamente o que baliza seu discurso e sua prática enquanto político e gestor. Dessa vez, em um discurso o Ministro das Relações Exteriores do Brasil abordou diversos temas, entre ele a questão climática, pontuando que a pauta estaria vinculada a uma conspiração comunista. Em seguida ele elabora críticas rasas, citando que Foucault, Lacan e Rosa Luxemburgo, como se esses três grandes pensadores do século XX fossem meros "esquerdistas". O discurso de Ernesto e da equipe de Jair Bolsonaro nos fazem acreditar que a esquerda mundial é uma instituição de grande sucesso e influência. É surreal pensar que os mesmos sujeitos que dizem que "a esquerda nunca deu certo em lugar nenhum" acreditem num mérito tão estrondoso quanto esse, no qual até o aquecimento global foi criado por esse grupo. A direita paranoica tem que decidir: a esquerda comanda o o mundo ou a esquerda nunca deu certo?
0 comments
0 comments