Disparada do petróleo agita mercado em semana de decisão do Federal Reserve FED e Conselho de Política Monetária COPOM. O choque do petróleo, decorrente de um ataque na Arábia Saudita, segundo especialistas acabou gerando um prêmio de risco de difícil auferição, devido ao severo risco geopolítico na cadeia do petróleo. Segundo informações, esse ataque foi, de longe, o golpe mais forte contra a infraestrutura petrolífera Saudita da História moderna. A economia internacional, que até o último final de semana, tinha como desafio a questão da guerra comercial entre Washington e Pequim tem sido determinante para a desaceleração econômica mundial. Diante disso, agora para abalar mais ainda a ordem geopolítica internacional, assistimos a esse ataque, que tende a agravar as tensões mundo afora, além de todas as oscilações no mercado financeiro. As autoridades monetárias terão o desafio na determinação da taxa de juros das respectivas economias, já que devem estar alinhadas a todos os fatos econômicos do globo.
0 comments
0 comments